a história da fundição

O Processo e sua História

Saiba mais na apostila sobre fundição produzida com Márcia Pompei

A fundição de  precisão  em moldes cerâmicos, conhecido também como “processo de cera perdida”, “microfusão” ou “Investment Casting” , é um método de fabricação de peças com excelente precisão, em ampla variedade de metais e ligas, indo desde ligas leves até superligas.  É, talvez, o processo de fundição mais antigo que se tem conhecimento. Provas arqueológicas encontradas em várias partes do Planeta sugerem que o processo de fundição de precisão por cera perdida tenha iniciado na Idade do Bronze, cerca de 5000 anos A. C.. Na China, artesões da Dinastia Shang (1766 – 1122 A.C.) utilizaram o processo para fabricar objetos artísticos, peças de adorno e ferramentas em bronze com detalhes tão sofisticados e com paredes muito finas, semelhantes as peças de mais alta tecnologia dos nossos dias. Na Europa e na Ásia a história do processo se perdeu até o século XVI. Entretanto, na Colômbia e no México, peças de ouro eram produzidas com esta técnica muito tempo antes da chegada de Colombo. Na Itália renascentista, o processo de cera perdida foi muito utilizado por Benevenuto Cellini (1500-1571), que em 1540 fundiu em bronze, 3,5 t, a estátua “Perseu e a Cabeça de Medusa” (Clique aqui para ver). Cellini aprendeu a técnica através das descrições do monge Thophilus Presbyter, autor do mais antigo texto conhecido sobre fundição; “Schedula Diversarum Artium”. Vannoccio Biringuccio, contemporâneo de Cellini e chefe da fundição Papal , descreveu com grandes detalhes o processo, em seu livro “Pirotechenia”.

Porém, somente após a metade do século XX é  que este processo vem sendo usado para a produção, em larga escala, de peças de engenharia.  Atualmente, peças microfundidas são usadas  em praticamente todas as áreas: automotiva, aeroespacial, hardwares para indústria microeletrônica, biomédica, etc. Dos processos de fabricação, incluindo outros processos  de fundição, a fundição de precisão em moldes tipo casca é provavelmente o que  oferece maiores vantagens na obtenção de peças com irrestrita liberdade de formas, bom acabamento superficial e boa precisão dimensional, o que em última instância significa redução do fator custo/benefício.

Este notável desenvolvimento só foi possível devido aos esforços contínuos dos Centros de Tecnologia e da Indústria na melhoria do controle do processo e na qualidade final do produto. Esta aproximação é atribuída principalmente a indústria aeroespacial, que por ser uma utilizadora em potencial, impõe um restrito critério de qualidade. Com as exigências de mercado cada dia mais apuradas, a obtenção de peças com qualidade assegurada, leva a indústria de fundição de precisão cada vez mais a se preocupar com a qualidade dos modelos em cera e dos moldes cerâmicos que são sem dúvida fatores importantes do processo.

segue um link sobre fundição também interessante. São outros processos, formas industriais e não ligadas à joalheria maso princípio é o mesmo. Pra quem quizer saber mais Clique aqui

Anúncios

5 comentários em “a história da fundição

  1. foi muito útil, pois estou terminando o curso tecnico e me ajudou.Obrigado

  2. o que escreveu foi bom, mais acho que para pesquisa fica um pouco vago ..
    aprofunde mais na história desde os tempos passados
    obrigada! 🙂

  3. Estou a procura de material sobre:
    Histórico sobre forno de indução(do primeiro projeto até os nossos dias)
    Produção de ferro fundido
    obs.: Caso não tenha, favor indicar fonte de pesquisa ou universidades para contato.
    Estou precisando destas fontes de pesquisa para fechamento do meu trabalho de conclusão de curso.

  4. olá Nathaly. Obrigado. É difícil achar informações e principalmente as que às vezes encontramos são conflitantes. Além disso a fundição se desenvolve em diversos lugares. Na verdade existe a história da fundição na China, na Africa (que aliás era muito mais desenvolta que na Europa!), na Europa…Vamos tentar melhorar!

  5. Pingback: Os números de 2010 « Juan Carlos Douglas Blog

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s